segunda-feira, 13 de setembro de 2010

TEMPOS BONS NA BOA COMPANHIA DA CANTORA SIMONE!









Lá se vão muitos anos na companhia da cantora Simone e sempre que uma nova canção me chegava aos ouvidos eu tinha a nitida impressão de que ela havia sido feita e estava sendo cantada somente para mim. Parecia que aquela voz refletia os momentos bons e ruins que se passavam por minha vida naquele instante.

Passaram-se os anos e o carinho por esta figura única no cenário da musica popular brasileira ganhou espaço perpetuo em minha vida, um espaço onde estão lá todas as canções, todas as imagens e todos os momentos que consegui juntar ao longo deste tempo de minha vida.

Assisti ao show “Em Boa Companhia”, aqui em São Paulo, no segundo dia da apreentação no Teatro Bradesco. Fui ansioso pois os shows anteriores, que tiveram a direção de José Possi Neto, foram geniais, e ao acabar de assistir o show novamente me sentia embreagado de paixão por Simone e por José Possi Neto.

Assistindo ao DVD, lançado pela gravadora Biscoito Fino, fui tomado por uma emoção enorme. Estava só em casa e a voz de Simone foi tomando todos os espaços e meu envolvimento com o que via na TV foi crecendo a cada canção, primeiro por ter sido gravado em Pernambuco, terra de meu pai, segundo pelas belas estrelinhas que numa transparência maravilhosa enfeitam o cenário, depois, naturalmente, pelas canções.

A emoção explodiu por meio de lagrimas que rolaram pelo rosto de maneira generosas ao longo de toda a interpretação da canção “Fullgás”... Poxa! quantas pessoas se pautaram pelos versos ..?!. “você me abre seus braços e a gente faz um país ... “ de Marina Lima e Antonio Cicero durante a decada de 80??
Uma saudosa alegria me invadiu, ouvi feliz a interpretação primorosa de Simone para uma canção de Jorge Benjor – “Ive Brussel” que adoro e com a alma repleta de alegria pensei:
- poxa estou mesmo velho, chorar assistindo a um DVD de Simone é coisa que só a sabedoria dos mais velhos pode trazer a nossas vidas.

O cuidado primoroso na apresentação do novo trabalho de Simone é comovente. Tamanho cuidado com capas e encartes só aconteceu durante sua estadia na EMI/ODEON quando as capas do LPs tinham luxuosas fotos de Vania Toledo e detalhes em relevo.

Para um país que costuma esquecer com facilidade seus idolos é comovente ver uma artista com quase quarenta anos de carreira ter um novo trabalho lançado com tamanho cuidado e carinho, e isso faz com que torne-se mesmo impossivel não se comover na companhia de Simone.




Paulo Gonçalo dos Santos
Historiador / Pesquisador de MPB
paulogoncalo@uol.com.br

2 comentários:

catarina disse...

Lindo texto Paulão!Dá vontade de ouvir o cd e ver o dvd agora mesmo!! Por sorte o meu cd já vem a caminho...
Beijos carinhosos!

Yoggi disse...

Oi Paulo! Que bom que o show tá legal. O DVD ainda não chegou aqui em Portugal, mas estou ansiosa por esse momento. E em relação a chorar assistindo e ouvindo Simone... eu tenho 25 anos, sou portuguesa e já me emocionei com ela um montão de vezes :-) Valeu pelo testemunho!